Pesquisar
Close this search box.
Mato Grosso do Sul, 12 de julho de 2024
Campo Grande/MS
Fuente de datos meteorológicos: clima en Campo Grande a 30 días

Termina nesta sexta-feira o prazo para pagar a 4ª parcela do IPVA

Quem não recebeu ou perdeu o boleto pode acessar a segunda via pelo canal de atendimento na internet

O prazo para pagamento da 4ª parcela do IPVA (Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores) 2023, para os proprietários de veículos em Mato Grosso do Sul, termina nesta sexta-feira (28). O último vencimento será no dia 31 de maio, para os proprietários que optaram pelo parcelamento, de acordo com o calendário definido pelo Governo do Estado.

Quem não recebeu ou perdeu o boleto pode acessar a segunda via pelo canal de atendimento na internet: www.autoatendimento.ms.gov.br/ipva.

A arrecadação ajuda no desenvolvimento do Estado e dos municípios. Do montante arrecadado, metade é destinado às prefeituras das cidades de onde o veículo foi emplacado. 

Licenciamento

Também está disponível o calendário para o pagamento de licenciamento dos veículos. Para as placas de final 1 e 2 o vencimento é em abril. Já quem tem veículo com placa final 3, o vencimento é em maio. 

Proprietários de automóveis final 4 e 5 têm até o fim de junho. Julho é o mês das placas final 6. Sete e 8 vencem em agosto. Placa final 9 vence em setembro e final 0 em outubro.

PIX

Neste ano, todos os débitos estaduais podem ser pagos por meio do PIX – o sistema desenvolvido pelo Banco Central que permite operações financeiras em tempo real. A iniciativa da Sefaz (Secretaria de Estado de Fazenda) tem o objetivo de desburocratizar, facilitar o acesso e agilizar o dia a dia das pessoas.

Ao optar por essa forma de pagamento, o prazo para baixa do débito é reduzido de até 24h, para no máximo 5 minutos, já que o retorno bancário é instantâneo. 

São aceitos pagamentos realizados por qualquer pessoa física ou jurídica que tenha uma conta em uma instituição financeira ou instituição de pagamento, incluindo os bancos que não são conveniados com o Governo do Estado como os digitais, desde que sejam participantes do PIX. 

Importante ressaltar que o limite de horário e valor para realizar as transações são regras determinadas pelo Banco Central. O pagamento por PIX consta no contrato de prestação de serviço assinado entre o Governo do Estado e o Banco do Brasil.

Suas preferências de cookies

Usamos cookies para otimizar nosso site e coletar estatísticas de uso.