Pesquisar
Close this search box.
Mato Grosso do Sul, 20 de junho de 2024
Campo Grande/MS
Fuente de datos meteorológicos: clima en Campo Grande a 30 días

Projeto mostra possibilidade da pecuária rentável em pequenas áreas

Sindicato do Produtor Rural de Camapuã realiza o segundo abate do projeto de engorda de novilhas

Promovido pelo Sindicato do Produtor Rural de Camapuã, cidade conhecida como a Capital do Bezerro de Qualidade em Mato Grosso do Sul, o “Projeto de Intensificação da Produção do Sistema de Engorda de Fêmeas” completou o primeiro ano de atuação e tem colhido excelentes resultados. A ação conta com a orientação da Assistência Técnica e Gerencial de Bovinocultura de Corte do Senar MS e tem como objetivo mostrar ao produtor rural que atividade é viável e rentável mesmo em pequenas áreas.

No abate realizado no último mês de abril, foram encaminhadas ao frigorífico 20 novilhas, com peso médio de 14@ e rendimento acima dos 52%, todas em sua maioria com até 20 meses de idade. O projeto também participa do Precoce MS do Estado e recebeu bonificação no abate.

Os outros indicadores do projeto também foram muito positivos. A taxa de lotação, por exemplo, foi de 1,78 unidades por hectare ao ano (UA/ ha/ano), bem superior à média registrada por Camapuã entre 2020 e 2021, 0,90 UA/ha/ano e no estado, no mesmo período, 1,08 UA/ha/ano.

O presidente do Sindicato do Produtor Rural de Camapuã, Antônio Silvério, ressalta que os resultados foram obtidos com a maior taxa de lotação, ganho médio diário e peso de carcaça, frutos de processo de intensificação, da gestão administrativa, treinamento dos recursos humanos e adoção de boas práticas pecuárias.

“Depois do abate compramos outro lote de novilhas e refazemos o investimento na área, como manejo e melhoria das pastagens. Queremos mostrar que é possível e acima de tudo, rentável”, apontou o presidente.

Suas preferências de cookies

Usamos cookies para otimizar nosso site e coletar estatísticas de uso.