Pesquisar
Close this search box.
Mato Grosso do Sul, 19 de junho de 2024
Campo Grande/MS
Fuente de datos meteorológicos: clima en Campo Grande a 30 días

Preso tem 90% do corpo queimado por colegas de cela na PED

Caso ocorreu na segunda – feira(15) em cela do raio III da Penitenciária Estadual de Dourados.

O interno da PED (Penitenciária Estadual de Dourados), Leandro Trindade dos Santos, 35 anos, foi internado em ala hospitalar da Santa Casa, em Campo Grande, nesta quarta-feira (17), em estado de saúde considerado gravíssimo pelas equipes médicas. Ele teve 90% do corpo queimado com solvente químico, realizado por outro preso, que agora também terá mais um crime a responder, em tentativa de homicídio.

Leandro foi socorrido pelo Samu (Serviço Móvel de Urgência) ao Hospital da Vida e depois levado para o setor de queimados da Santa Casa de Campo Grande, onde permanece em estado gravíssimo. Maior penitenciária de Mato Grosso do Sul, a PED tem pelo menos 2.500 presos. A Agepen informou que investiga o caso e que os outros 19 presos que estavam na cela foram removidos para a outro local e serão ouvidos.

Eleandro foi atacado pelo companheiro de cela, Alisson Santos, 28 anos, na segunda-feira passada (15). Os dois estavam na cela 13, galeria linear A da PED (Penitenciária Estadual de Dourados).

Segundo investigação da Polícia Civil, eles tiveram uma discussão e trocas de ofensas envolvendo a mãe de Alisson. Assim, o acusado jogou ‘thinner’ – um solvente químico composto por hidrocarbonetos alifáticos e aromáticos, éter de glicol, alcoóis e ésteres –  no corpo de Leandro e em seguida ateou fogo. 

A vítima teve que ser resgatada por equipe do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência), foi atendido em hospital douradense, mas teve que ser transferida para Capital do Estado, em decorrência da gravidade dos ferimentos.

Cela ainda estava cheia

Segundo informações divulgadas ontem pela Agepen (Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário) através de nota oficial, Leandro estava com outros 19 presos na cela. O espaço foi isolado e passou por vistoria da perícia técnica. 

Já Alisson Santos foi levado ao 1º Distrito Policial e responderá por tentativa de homicídio.

Suas preferências de cookies

Usamos cookies para otimizar nosso site e coletar estatísticas de uso.