Pesquisar
Close this search box.
Mato Grosso do Sul, 12 de julho de 2024
Campo Grande/MS
Fuente de datos meteorológicos: clima en Campo Grande a 30 días

Pavimentação da rodovia MS-379 avança para levar desenvolvimento e ajudar no escoamento da produção

O empreendimento vai ajudar no escoamento da produção e assim ajudar na economia da região.

Pavimentação vai facilitar acesso e ajudar escoamento da produção:/Fotos: Agesul

A obra de pavimentação da MS-379, entre Douradina e o distrito de Bocajá, avança com a aplicação da mistura asfáltica conhecida como binder, que é aplicada antes do pavimento para fazer a ligação da base da rodovia. O empreendimento vai ajudar no escoamento da produção e assim ajudar na economia da região.

Por meio da Agesul (Agência Estadual de Gestão de Empreendimentos de Mato Grosso do Sul), o Estado investe R$ 13,9 milhões na pavimentação de 6,2 quilômetros da MS-379, ligando a BR-163 ao início do trecho urbano de Bocajá.

Enquanto uma equipe trabalha com a mistura asfáltica para depois aplicar o revestimento conhecido como CBUQ (Concreto Betuminoso Usinado a Quente), um dos mais utilizados em rodovias brasileiras, outra frente de serviço finaliza a terraplanagem.

A obra promete levar desenvolvimento para a região. “Vai beneficiar essa região, que é produtora, atender a comunidade, atrair investimentos e gerar oportunidades. Estamos atentos às demandas dos municípios com o objetivo de melhorar a vida da nossa população”, destacou o secretário estadual de Infraestrutura e Logística, Hélio Peluffo.

Outro investimento do Estado para Douradina foi contratado nesta semana pela Agesul. Três pontes de concreto armado serão construídas em rodovias vicinais na divisa com Dourados. Ao custo de R$ 4,5 milhões, as travessias serão instaladas sobre os rios Laranja Doce e Laranja Lima (2). As obras levam logística ao campo, contribuem com o escoamento da produção local e atendem moradores e trabalhadores da região. 

“Primeiro momento é dar sequência aquilo que tinha sido programado, e tem muita coisa acontecendo em cada município do Estado. Temos R$ 3,6 bilhões de obras contratadas e em andamento. Depois vamos nos reunir com os prefeitos para saber as prioridades e demandas de cada cidade”, afirmou o governador Eduardo Riedel. 

Suas preferências de cookies

Usamos cookies para otimizar nosso site e coletar estatísticas de uso.