Pesquisar
Close this search box.
Mato Grosso do Sul, 19 de junho de 2024
Campo Grande/MS
Fuente de datos meteorológicos: clima en Campo Grande a 30 días

Governador reúne secretários e marca data para anunciar novo plano de segurança para escolas

O plano de segurança a ser anunciado pelo governador deve englobar uma série de ações como resposta rápida aos recentes incidentes em unidades escolares.

Foto: Saul Schramm

O governador Eduardo Riedel se reuniu no final da tarde desta ultima segunda-feira (10) com o secretário de Educação, Hélio Daher, o adjunto da pasta, Edio Rezende, e com o secretário de Estado de Justiça e Segurança Pública, Antonio Carlos Videira, para discutir o pacote de ações para coibir a violência e promover segurança nas escolas estaduais. A divulgação do plano vai ocorrer na próxima quarta-feira (12) pela manhã.

O governo já desenvolve uma série de ações de segurança nas unidades da REE (Rede Estadual de Ensino) de Mato Grosso do Sul. O plano de segurança a ser anunciado pelo governador deve englobar uma série de ações como resposta rápida aos recentes incidentes em unidades escolares.

Recentemente, o governador visitou o Centro de Monitoramento das escolas da Rede Estadual de Ensino, que fica em Campo Grande, no bairro Amambaí. O local tem o controle em tempo real das unidades que já dispõe de câmeras e sistema eletrônico. O número de unidades monitoradas deve chegar a quase 300 escolas ainda neste mês. 

Uma das principais ações em execução é o programa “Escola Segura, Família Forte”, realizado pelo Governo de Mato Grosso do Sul, por meio da Sejusp (Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública) e da PM (Polícia Militar), que atende 128 escolas da Rede Estadual de Ensino e da Rede Municipal de Ensino de Campo Grande desde o início de março deste ano e que deve atender aproximadamente 100 mil alunos dos ensinos Fundamental e Médio da Capital.

A rede de comunicação entre a comunidade escolar e o programa ocorre por meio de celulares disponíveis nas viaturas, além de um tablet que serve para o policial registrar toda e qualquer ocorrência dentro e no entorno das escolas. No total são seis equipes de atendimento em todas as regiões da cidade. Os diretores das escolas estão inseridos num aplicativo de mensagens que facilita a comunicação.

O patrulhamento escolar é feito por policiais militares levando em consideração dados de inteligência da Sejusp. Além da ronda no entorno das escolas na entrada e saída dos alunos, o programa promove a aproximação da comunidade escolar com a polícia e contribui para a redução dos conflitos no âmbito escolar.

Suas preferências de cookies

Usamos cookies para otimizar nosso site e coletar estatísticas de uso.