Pesquisar
Close this search box.
Mato Grosso do Sul, 19 de junho de 2024
Campo Grande/MS
Fuente de datos meteorológicos: clima en Campo Grande a 30 días

Foragido da Justiça é recapturado pelo DOF com mais de 800 quilos de drogas em Ponta Porã

Motorista que estava com mandado de prisão em aberto já havia sido preso por tráfico de drogas nos anos de 2020 e 2021 e por adulteração de sinal identificador veicular, em 2021

Foto: Reprodução/DOF – MS

Na manha desta segunda feira (12) um homem de 32 anos de idade foi recapturado pelo DOF (Departamento de Operações de Fronteira), em Ponta Porã, o foragido tinha diversas passagens pela polícia e se encontrava evadido do sistema prisional, o prisioneiro acabou preso em fragrante com mais de 800 quilos de drogas em um FORD KA. Um outro homem de 23 anos também foi preso em flagrante.

Os policiais faziam policiamento na zona rural de Ponta Porã, quando o veículo furou o bloqueio e tentou fugir. Após alguns quilômetros em acompanhamento os suspeitos foram alcançados e detidos.

No interior do veículo foram encontrados diversos tabletes de maconha, que após a pesagem totalizaram 817 quilos do entorpecente. Os autores disseram que pegaram o veículo carregado em Ponta Porã e levariam até Dourados, onde, segundo eles, receberiam três mil reais pelo transporte, cada um.

O Homem com mandado de prisão em aberto já havia sido preso duas vezes por tráfico de drogas. Em 2020 ele foi detido transportando 653 quilos de maconha em um GM Onix, na cidade de Nova Alvorada do Sul. Em 2021, o mesmo indivíduo foi preso por policiais do Batalhão de Choque da PM com 174 quilos de maconha, que eram transportados em um VW Parati, em Campo Grande.

Em 2021 ele também já havia sido preso por adulteração de sinal identificador veicular, em Campo Grande. O autor possui seis passagens por ameaça, três registros criminais por vias de fatos, duas por lesão corporal dolosa e uma por injúria.

Ele foi preso em flagrante e encaminhado à Delegacia da Polícia Civil de Ponta Porã, juntamente com o material apreendido, avaliado em aproximadamente R$ 1,7 milhão. A ação envolvendo os policiais do DOF aconteceu dentro da Operação Hórus, parceria da Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública com o Ministério da Justiça e Segurança Pública.

Suas preferências de cookies

Usamos cookies para otimizar nosso site e coletar estatísticas de uso.