Pesquisar
Close this search box.
Mato Grosso do Sul, 12 de julho de 2024
Campo Grande/MS
Fuente de datos meteorológicos: clima en Campo Grande a 30 días

Com a ampliação da oferta, Saúde oferece novo ponto de vacinação à população

A medida ocorre como forma preventiva para fortalecer a vacinação e prevenir quanto aos sintomas de síndrome gripal e síndrome respiratória aguda grave

Com a ampliação da oferta da vacina contra a Influenza para a população geral, a partir dos seis meses de idade, a SES (Secretaria de Estado de Saúde), em parceria com o CBMMS (Corpo de Bombeiros Militar de Mato Grosso do Sul) e apoio da Sesau (Secretaria Municipal de Saúde de Campo Grande), disponibiliza à população novo ponto de vacinação.

O ponto de vacinação está localizado no Quartel Central do Corpo de Bombeiros Militar, que fica a rua Sete de Setembro 408, esquina com a rua Quatorze de Julho. O ponto entrou em operação nesta segunda-feira (15) e segue até o próximo sábado (20), quando ocorre o Dia D de vacinação contra a Influenza no Quartel do Corpo de Bombeiros Militar, a avenida do Poeta, s/n, no Parque dos Poderes.

O secretário de Estado de Saúde, Dr. Maurício Simões, acompanhou a ação no início desta manhã e a classificou como uma oportunidade para que a sociedade tome a sua vacina. “Esse evento é uma motivação para que as pessoas possam vir se vacinar e em um ponto central na cidade de Campo Grande. É muito importante que a gente realmente amplie essa cobertura vacinal para que a gente não viva um inverno com um pronto atendimento lotado, como já experimentamos. Acho que a população de uma maneira geral não quer mais viver o que vivemos há dois anos atrás. É importante que todos venham se vacinar”, alertou.

A medida ocorre como forma preventiva para fortalecer a vacinação e prevenir quanto aos sintomas de síndrome gripal e síndrome respiratória aguda grave, especialmente em crianças. Para o assessor militar da SES, coronel Marcello Fraiha, os baixos índices vacinais necessitavam de estratégias diferenciadas e o quartel do CBMMS, por ser um ponto central de Campo Grande, é considerado estratégico para a acessibilidade e visualização da população.

Jonatas Menon levou o avô, Pessoa do Nascimento

E devido a essa facilidade no acesso que o administrador, Jonatas Menon do Nascimento, 32 anos, levou o seu avô, Pessoa do Nascimento, 89 anos, para tomar a vacina contra a Influenza. Ele contou que iria ao centro da cidade com o avô e aproveitou para ir até o quartel central.

“Hoje cedo assisti na TV que teria a vacinação e como já viríamos resolver outras coisas no centro da cidade, trouxe o meu avô para se vacinar.  Quando chegamos fiquei sabendo que eu também poderia me vacinar, já aproveitei a oportunidade e tomei a minha”, comentou Jonatas

“Está dando uma gripe muito forte por aí, e o melhor é se prevenir, não é? Costumava tomar a vacina da gripe no posto de saúde, mas aí meu neto me falou que tinha aqui no Corpo de Bombeiros e viemos. Achei muito importante porque temos afazeres e

“É melhor se prevenir”, diz Pessoa do Nascimento

aproveitando a oportunidade de descer para o centro da cidade, já que moro em bairro, tendo esse ponto de vacinação aqui ajudou demais”, comemorou Pessoa.

Mesmo após decorridos 45 dias da 25ª Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza, Mato Grosso do Sul apresenta uma cobertura vacinal de apenas 29,33% da população prioritária a ser vacinada. Conforme a coordenadora estadual de Vigilância Epidemiológica da SES, Ana Paula Goldfinger, o objetivo da ação é aumentar a quantidade de pessoas imunizadas e com isso diminuir a circulação dos vírus.

“Sabemos que com o outono e o inverno essas doenças respiratórias vão piorar e os mais impactados são as crianças e idosos, por isso que estão no grupo prioritário, pela vulnerabilidade. Essa é uma estratégia distinta das demais que a gente vem fazendo. Buscamos a parceria com a Sesau e com o Corpo de Bombeiros justamente por ser uma instituição de confiabilidade da sociedade, pelo ponto estratégico. Então toda a estratégia para o resgate dessa população é válida e estamos fazendo uma inovação. Quando facilitamos o acesso, tem o aceite da população”, afirma Goldfinger.

Serviço

Dia D da vacinação será no sábado

Em Campo Grande, a vacinação ocorre em qualquer unidade de saúde, no período de 28 de março a 31 de maio de 2023, em horário comercial.

No período entre 15 e 19 de maio, das 8 horas às 19 horas, a população pode ir até o Quartel

Central do Corpo de Bombeiros Militar, localizado a rua Sete de Setembro, esquina com a rua Quatorze de Julho.

Já no sábado (20) acontece o Dia D em todo o estado de Mato Grosso do Sul e em Campo Grande ocorrerá em frente ao Quartel do Corpo de Bombeiros Militar, localizado a avenida do Poeta, s/nº, Parque dos Poderes. O dia D acontece em todo o estado.

Nos municípios do interior, a campanha também acontece no período de 28 de março a 31 de maio de 2023 em qualquer unidade de saúde, em horário comercial (verificar programação local).

Suas preferências de cookies

Usamos cookies para otimizar nosso site e coletar estatísticas de uso.